Y  E S  H  U  A
 
A lei do Senhor é perfeita; ela devolve à nossa alma as forças perdidas. A revelação da vontade de Deus é digna de confiança; ela dá sabedoria a quem estiver disposto a aprender. 
As ordens que Deus dá aos homens são sempre certas; quem obedece, sente uma profunda alegria no coração. As regras de conduta do Senhor são bem claras e iluminam nossos olhos. 
A obediência a Deus nos conserva puros; é a garantia da vida eterna. As opiniões do Senhor  sobre a vida são verdadeiras e justas, todas elas. 
Valem mais do que o ouro, mesmo o ouro mais fino. São mais doces do que o mel pingando do favo. 
Além de tudo isso servem para nos corrigir quando estamos errados. Quem segue as instruções de Deus terá sucesso em tudo.
 
Salmo 19.7-11
 
2 Coríntios 3:5-6

E não porque pensemos que podemos fazer por nós mesmos qualquer coisa de valor duradouro. O único poder que possuímos e o êxito que obtemos vêm de Deus. Ele é quem nos tem ajudado a contar aos outros o seu novo contrato para salvá-los. Nós não lhes dizemos que precisam obedecer todas as leis de Deus ou, então, morrer; mas lhes dizemos que há vida para eles da parte do Espírito Santo.

modificado discretamente de:
http://www.yeshua.chai.nom.br/cremos.htm
Que a Bíblia inteira, o Tanach e o Brit Chadashah são divinamente inspirados, infalíveis, e eternamente a Palavra de Deus, o qual se aplica para hoje e assim como para o tempo da sua criação (II Timóteo 3:16; I Pedro 1:20-21).
Que o D-us de Avraham, Yitzchak e Yacov é Um, Echad, e é uma complexa unidade que existe e tem revelado Ele mesmo para a humanidade, como sendo o Nosso Pai nos Céus, Yeshua haMashiach e o Ruach HaKodesh (Deut 6:4; Isaías. 48:16; I João 5:7), pois tenho eu apenas um Senhor, que é o Pai que está nos céus.
Que Yeshua é o Messias de Israel; é a Palavra de D'us revelada para humanidade em carne; nasceu de uma virgem; teve um ministério na Terra; morreu por nossos pecados; foi ressuscitado em três dias após Sua morte; e ascendeu ao Céu para que se cumprisse os Salmos e os Profetas (Zac. 14:9; Lc 24:44-47)
Cremos na disponibilidade e suficiência do sacrifício de Yeshua para a salvação de todos os homens (1 Jo 4.14; 1 Tm 4.10; Ap 13.8), e na eficiência e eficácia do mesmo na vida de qualquer pessoa que se entregue ao Seu senhorio (Rm 10.9,10).
Judeus e gentios devem ambos estar limpos do pecado pelo sangue derramado de Yeshua. Judeus que reconheçam Yeshua continuam judeus e os não judeus que aceitem Yeshua ambos tornam-se Nascidos de Novo no Espírito e mantem-se judeus e não judeus, respectivamente. Ambos unem-se ao Corpo do Messias e herdam a vida eterna (Efésios 2:11-13).
Salvação da separação eterna de D'us e perdão dos pecados pode apenas ser alcançado através da fé em Yeshua pela expiação do Seu sangue (Rom. 10:9; I Tess. 1:10) .
Que os seguidores de Yeshua devam manter suas identidades culturais, étnicas e Bíblicas por causa da fidelidade às suas heranças. Judeus crentes mantem-se parte de Israel enquanto tornam-se parte do Corpo do Messias.
Que quando uma pessoa, independentemente de status étnico, se entrega ao Senhorio de Yeshua, ela nasce de novo (Jo 3.1-8; 1 Pe 1.23; Tg 1.18), quando então a raiz do pecado é removida do seu espírito (Rm 6.6), recebendo um novo coração de carne (Ez 36.26), produzido pela remoção da raiz do pecado e pela habitação do Ruach HaKodesh no seu coração, visando capacitá-la para andar na Palavra de D-us (Ez 36.27). Cremos que então ela se torna participante da B’rit Chadasha (Jr 31.31-33), graciosamente enxertada na oliveira espiritual de Israel [Rm 11.17,24], cuja raiz é Avraham e cujo tronco é o próprio Messias Yeshua, tornando-se então por este enxerto, participante das alianças da promessa (Ef 2.11-14). Cremos na plena igualdade de status diante de D-us entre os crentes Judeus e os crentes não-Judeus no Corpo do Messias (Gl 6.15; Gl 3.27,28; At 15.8).
Que a salvação e o direito de relacionamento como D'us é alcançado através da graça e da fé, não pelos trabalhos da Lei. A Lei de D'us é dada para instrução moral, para ambos judeus e não judeus, e uma distinta relação nacional/ética para Israel. A Lei, sendo não é necessária para a Salvação, é ainda uma importante parte para os seguidores da vontade de D'us e aqueles que queiram viver em sua presença. Fé em Yeshua, a qual completa a Lei, não significa que a Lei não é mais relevante para nossas vidas (Deut. 30:11-20; Deut. 6:20-25; Salmos 19:7-14; Mat. 5:17-19; Rom. 3:27-31; 6:23)
Y  E S  H  U  A
voltar
Site
Bíblia Falada
 
 
veja comentários
Blog sobre este arquivo, facilitando a interatividade
respostas e postagens 
sobre este assunto
 
Comentando no Facebook
Comentando no